Sobre Os Jornalistas

22 06 2009

O Supremo Tribunal Federal (STF) retirou a obrigatoriedade do diploma para exercer a profissão de jornalista no Brasil e o mundo veio abaixo para algumas pessoas. Não sou formado em jornalismo, nem tenho pretensões de o ser, e não tô nem aí para essas pessoas que se doeram tanto. Me cheira a falta de confiança no próprio trabalho.

Todo mundo sabe que o jornalismo no Brasil vai de mal a pior com esse tipo de reportagens e manchetes. Mas se elas existem significa que alguém lê e se importa. Quem realmente deseja receber informação correta e completa, infelizmente hoje deve recorrer a fontes internacionais ou portais de confiança, com jornalistas responsáveis que portando um diploma ou não fazem o possível para cumprir seu dever.

Este post do Tuca Hernandes está bem melhor que o meu (que foi só um desabafo), e dêem uma atenção a esse artigo no O Globo.

–UPDATE!–

E os estudantes do curso de Jornalismo não estão de braços cruzados. Hoje, 22/06, 200 estudantes se reuniram em São Paulo para protestar contra a decisão do STF comendo… jornal…

Enfim, mas não voltei aqui para falar do protesto (que acho ótimo, lutem por seus direitos!), mas para colocar na roda uma idéia que surgiu no Twitter de não me lembro quem (se você está lendo isso, o que eu acho muito difícil, manifeste-se!), sobre se ter uma prova que certifique o formado como Jornalista, tal qual o exame da OAB. Eu acho válido. E você?